sábado, 1 de Março de 2008

Medidas de defesa do consumidor

Os consumidores procuram bens que as empresas oferecem, mas necessitam de uma protecção contra negócios abusivos.
Para esse mesmo efeito, foram criadas instituições e leis de defesa do consumidor, como o Instituto do Consumidor, Centros Autárquicos de Informação, Delegações Regionais do Ambiente e Recursos Naturais.
Entre muitas destas instituições, podemos encontrar uma bastante conhecida, a DECO, Associação de Defesa do Consumidor. Criada nos anos 70, esta associação foi reconhecida como associação de utilidade pública em 1978 e destina-se a proteger e defender os direitos legítimos dos consumidores. A instituição desenvolve ainda actividades dirigidas à informação, presta serviços jurídicos, dedica-se também à publicação das revistas Proteste, Dinheiro e Dinheiro, Poupança Quinze e ainda Teste Saúde.
Esta instituição foi criada, existe e trabalha como elemento fundamental de pressão na luta pelos direitos e interesses do consumidor.

1 comentário:

Anónimo disse...

É bastante importante a existência d organizações na defesa do consumidor! Nós, que somos impulsionados a consumir cada vez mais e incentivados a isso de variadissimas maneiras, precisamos de alguém a proteger-nos! Basta pensar na publicidade enganosa... ou nos perigos dos produtos que consumimos e nem sempre nos alertam.

Continuem com o vosso bom trabalho e façam a difrença !